segunda-feira, 29 de junho de 2015

MS: Empresa é condenada a pagar danos morais à vendedora que tinha vídeos compartilhados pelo WhatsApp

Uma vendedora vai receber indenização de R$ 15 mil por danos morais após comprovar que era exposta a situação vexatória pelo gerente da empresa onde trabalhava. Essa foi a decisão, por unanimidade, dos desembargadores da Segunda Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região que reformaram a sentença da 7ª Vara do Trabalho de Campo Grande que tinha entendido não ter sido demonstrado o assédio. 

Por Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região

PB: Justiça do Trabalho condena CBTU e Lotus por conduta lesiva

As empresas Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e a Lotus Empreendimentos e serviços LTDA, vão pagar, juntas, a uma trabalhadora o valor de R$ 10 mil por danos morais. As empresas foram condenadas pela Justiça do Trabalho por prática de conduta lesiva. A Segunda Turma de Julgamento do TRT manteve a decisão proferida na 5ª Vara do Trabalho de João Pessoa.

Por Assessoria de Comunicação Social / Tribunal Regional do Trabalho 13ª Região

SP: SEESP e Superintendência Regional do Trabalho discutem condições de trabalho dos Enfermeiros

No dia 24 de junho, a presidente do Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo (SEESP) e da Federação Nacional dos Enfermeiros (FNE), Solange Caetano, esteve na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Estado de São Paulo em reunião com a chefe da Seção de Relações do Trabalho (SERET), Aylza Gudin, e o representante do Núcleo de Assédio Moral do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), Valter Leitão, para discutir as condições de trabalho dos enfermeiros no Estado, além de pontos como o dimensionamento de pessoal, cumprimento da Norma Regulamentadora 32, adoecimento e casos de assédio moral que tem aumentado nos últimos meses.

Por Segs - SEESP Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo 

SP: Casos de assédio moral levam prefeitura de Arujá firmar acordo com o MPT

O Ministério Público do Trabalho em Guarulhos firmou com a Prefeitura do Município de Arujá um acordo em que ela promete acabar com os casos de assédio moral denunciados por funcionários ao MPT.

Por Fabiola de Souza Melo / Ana Carolina Spinelli - MPT 2.ª Região

SP: Após denúncias, MPT propõe acordo para coibir assédio moral na Unicamp

Após receber pelo menos 50 denúncias, o Ministério Público do Trabalho propôs à Unicamp um acordo para coibir práticas de assédio moral entre funcionários da universidade. O termo de ajustamento de conduta (TAC) foi apresentado pelo procurador Eduardo Luís Amgarten na quarta-feira (25) e concede 60 dias para a instituição avaliar os termos e sugerir alterações.

Por G1 Campinas e Região / foto Leon Cunha

RJ: Inscrições abertas para palestra sobre assédio moral do Colégio Pedro II

Estão abertas as inscrições para palestra sobre assédio moral no ambiente de trabalho, promovida pela Seção de Qualidade de Vida, da Progesp, do Colégio Pedro II.

Por Coordenadoria de Comunicação Social / Colégio Pedro II

PR: Assédio moral é tema de palestra em Apucarana

O assédio moral é hoje um dos grandes problemas enfrentados por empresários em todo o Brasil. Atento ao problema, o Sindicato das Indústrias do Vestuário de Apucarana e Vale do Ivaí – SIVALE, realizou nesta quarta-feira (24), uma palestra educativa sobre o tema nas relações do trabalho. O evento aconteceu na Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Apucarana.

Por Tribuna do Norte - TNonline

PR: Assédio é tema de diálogo com especialista da UFPR

Na última quinta-feira (18), gestores e colaboradores de diferentes áreas participaram de um diálogo sobre assédio no trabalho com a psicóloga e doutora da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Lis Soboll.

Por FIEPR